quinta-feira, 16 de fevereiro de 2017

Logan: executiva da Fox revela preocupação do estúdio quanto ao tom do filme

Uma executiva do estúdio 20th Century Fox revelou, durante uma coletiva com a imprensa, que o filme Logan despertou muita preocupação dentro da Fox por apresentar um tom mais sombrio do que os longas anteriores do universo X-Men.
"Internamente, havia um verdadeiro pavor sobre a intensidade do tom do filme”, disse Stacey Snider.na coletiva. “(Logan) é uma elegia sobre a vida e a morte, que tinha o gênero western como referência. Não é o Wolverine de charuto na boca e poucas palavras que conhecemos, e o debate gerado internamente era se isso não seria chato demais! Seria interessante imaginar Wolverine como um cara de verdade, que está cansado do mundo e que não quer mais lutar até que uma menina precisa dele?”.
Snider respondeu a esse questionamento ao lembrar que os gostos dos espectadores vêm mudando nos últimos anos, o que levou o estúdio a acreditar nessa mudança de tom para o novo filme do Wolverine.
Fonte da imagem: Divulgação/20th Century Fox
O filme Logan, situado no ano de 2024, acompanha Wolverine e o Professor Charles Xavier lidando com o fim dos X-Men, enquanto uma corporação liderada por Nathaniel Essex está acabando com o mundo.
Ao mesmo tempo, as habilidades de cura de Logan estão lentamente desaparecendo, e Xavier enfrenta o Alzheimer. Nesse cenário, Logan deve derrotar Nathaniel Essex com a ajuda de uma jovem chamada Laura Kinney, uma clone feminina de Wolverine.
Logan estreia no dia 02 de março nos cinemas brasileiros.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário