quarta-feira, 17 de maio de 2017

5 referências dos anos 80 em Guardiões da Galáxia Vol. 2

Peter Quill, o Senhor das Estrelas, é um nostálgico: nascido nos anos 80, ele traz muito dessa década para os dois longas-metragens dos Guardiões da Galáxia.
Como essa é uma década “muito antiga” para parte dos fãs dos super-heróis, a Inverse Entertainment reuniu algumas das referências mais legais mostradas no segundo filme da franquia. Anote aí e não fique boiando da próxima vez que assistir:

1. Heather Locklear

Em uma cena, Peter Quill (Chris Pratt) cita a atriz Heather Locklear como um de seus ídolos da década de 1980. Nessa época, ela participava da novela Dinastia e da série Carro Comando. Aqui no Brasil, talvez você se lembre melhor dela em papéis de seriados dos anos 90: ela foi a Amanda em Melrose Place e a Caitlin em Spin City.

2. Esqueleto

Ao adquirir seus poderes, o jovem Senhor das Estrelas conta para o pai que vai usá-los para construir uma estátua do Esqueleto. Essa é uma referência ao desenho animado do He-Man, que enfrentou o vilão nas duas temporadas do programa, produzidas entre 1983 e 1985.

3. Cheers

Entre 1982 e 1993, os norte-americanos acompanharam a saga do casal Sam (Ted Danson) e Diane (Shelley Long) na série Cheers, um dos maiores sucessos televisivos da década. No segundo filme dos Guardiões da Galáxia, Peter Quill cita os dois como referência ao seu relacionamento com Gamora (Zoe Saldana).

4. A Super Máquina

Em certo momento do filme, Peter Quill conta para Gamora que costumava mentir, na infância, que seu pai era o David Hasselhoff, o intérprete do seriado A Super Máquina, feito entre 1982 e 1986. Em outra cena, o personagem Ego (Kurt Russell) assume a forma temporária do próprio David Hasselhoff, sendo que o ator fez uma participação especial como ele mesmo. Para completar com chave de ouro, ele também canta a música que toca durante os créditos finais do filme.

5. Pac-man

Logo no começo do filme, Peter Quill faz uma referência ao Pac-man, jogo de fliperama lançado em 1980 e bastante popular até hoje. Porém, é no finalzinho que o mais inusitado acontece: o Senhor das Estrelas se torna o próprio Pac-man enquanto luta contra Ego.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário