domingo, 2 de julho de 2017

Atriz Olivia de Havilland processa FEUD por retrato não-autorizado e inverídico



A atriz Olivia de Havilland, que está completando justamente hoje, dia 1º de julho, 101 anos de idade, entrou com um processo contra o canal FX e a Ryan Murphy Productions pelo retrato inverídico e não-autorizado de sua pessoa na série FEUD: Bette and Joan.
Havilland foi representada pela atriz Catherine Zeta-Jones no programa de Ryan Murphy que mostrava o conflito entre as estrelas Bette Davis e Joan Crawford ao longo dos anos 60 e 70.
Na trama, Havilland aparecia – em rápidas participações – para comentar a briga das grandes atrizes da época.
Atriz Olivia de Havilland não gostou nada do seu retrato na série FEUD: Bette and Joan. Fonte das imagens: Reprodução/IMDb
Segundo o processo, a série apresentava trechos de uma entrevista em que Zeta-Jones aparecia como Havilland comentando o conflito de Bette e Joan. O formato de entrevista teria sido usado para dar veracidade aos comentários de Havilland, mas a atriz diz que essa entrevista nunca ocorreu e que jamais teria falado nada a respeito de suas antigas colegas.
De acordo com os advogados de Havilland: “O canal FX não pediu permissão para usar o nome e a identidade da atriz, e ela não foi compensada por esse uso. Além disso, a série coloca palavras na boca de Olivia de Havilland que são imprecisas e contrárias à reputação que ela construiu durante uma vida profissional de 80 anos, especificamente se recusando a se envolver em fofocas sobre outros atores para gerar atenção na mídia para si mesma".
A atriz é a única figura retratada em FEUD: Bette and Joan que ainda está viva. O produtor Ryan Murphy chegou a comentar na época do lançamento da série, em março, que não falou com Havilland porque “não queria ser desrespeitoso” com a lenda do cinema.
Olivia de Havilland estrelou o clássico E o Vento Levou (de 1939) e substituiu Joan Crawford no elenco de Com a Maldade na Alma (de 1964), dividindo a tela com Bette Davis, quando Crawford adoeceu e precisou deixar a produção.
O canal FX e Ryan Murphy Productions não se pronunciaram sobre o processo até o momento.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário