segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Game of Thrones: diretor da 7ª season finale explica preocupação de Tyrion

Atenção! A matéria a seguir trata de detalhes do final da sétima temporada de Game of Thrones, e a leitura é recomendada aos fãs que estão em dia com a série.
Em entrevista ao site Mashable, o diretor Jeremy Podeswa, que comandou o último episódio da sétima temporada de Game of Thrones, explicou a razão da preocupação de Tyrion ao ver a união do casal Jon e Daenerys nos instantes decisivos da season finale.
Segundo Podeswa, a explicação é menos complicada do que as teorias dos fãs que circulam por aí; que sugerem, inclusive, que Tyrion traiu Daenerys com algum tipo de acordo com Cersei.
De acordo com o diretor: “Esse momento representa, para mim, que Tyrion, depois de ter testemunhado tanta coisa este ano, tem uma grande preocupação sobre quais serão as consequências (dessa união) no futuro. Havia um entendimento prévio sobre quais eram as alianças entre as partes, e agora isso fica mais complicado pelo fato de que há um relacionamento mais íntimo entre dois dos principais atores dessa aliança, sendo que uma dessas pessoas é a quem ele realmente dedicou sua vida neste ponto: Daenerys”.
Fonte da imagem: Divulgação/HBO
Para o diretor, não há um sentimento de ciúmes ou amor de Tyrion pela Mãe dos Dragões, já que a relação entre eles é mais “intelectual e filosófica”.
Porém, o Lannister deve se preocupar se Daenerys continuará a mesma governante agora que se envolve com Jon. “Será que agora ela vai fazer escolhas com base no fato de que está em um relacionamento íntimo com Jon, ou permanecerá tão pragmática e forte quanto antes? Tudo isso é uma questão agora, e como estrategista-chefe de Daenerys, como sua Mão, Tyrion se preocupa em não saber mais como será o futuro”.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário