segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Mais duas adaptações de Stephen King devem estar chegando

Stephen King sempre foi referência quando o assunto em pauta é sobre livros de terror, isso não é nenhuma novidade. Também não é de hoje que muitos diretores se aventuram em adaptações dos livros do autor. Mas ultimamente, King anda mais popular do que de costume, tendo várias adaptações e readaptações de seus livros para filmes e séries aparecendo a cada momento.  A mais nova adaptação de It: A coisa, por exemplo,  acaba de se tornar a maior bilheteria de terror de todos os tempos, tornando a curiosidade ainda maior acerca das histórias dele.
Em uma entrevista para a Vulture, King anunciou que existem algumas ideias para adaptar The Stand (A Dança da Morte – no Brasil) para uma série de TV e Salem’s Lot (A Hora do Vampiro – no Brasil) para o cinema.
Ele também disse nessa entrevista que “Existem outros planos também para uma animação, mas não posso falar nada sobre isso com vocês – é segredo. Me parece que é algo que provavelmente acontecerá.”
O livro A Dança da morte é considerado um dos melhores do autor. É uma história de horror e fantasia que retrata um mundo pós-apocalíptico devastado por uma grande peste durante a década de 1980 (um futuro próximo, considerando que o livro foi lançado em 1978). A história está dividida em 3 partes, em sequência cronológica, cada uma desenvolvendo uma etapa específica.

A edição original tem 823 páginas, mas em 1990 foi lançada uma versão mais completa, com o total de 1152 páginas. Foi adaptado para uma minissérie em 1994, sendo muito bem recebida pela crítica e levando ainda dois Emmys.
A Hora do Vampiro foi o segundo romance lançado pelo escritor. A história foi inspirada por Drácula de Bram Stoker quando King estava dando um curso sobre fantasia e ficção científica em uma escola de Ensino Médio e quis reimaginar o icônico vampiro em tempos mais modernos.
Foi adaptado duas vezes para a TV, sendo as duas vezes em um formato de minissérie de 3 horas, e que também acabaram levando nomeações para o Emmy.
Com o histórico de adaptações das obras dele sendo mais caótico do que maravilhoso, ficamos meio apreensivos, mas ao mesmo tempo ansiosos com a notícia. Só nos resta esperar.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário