quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Liga da Justiça: orçamento teria chegado a US$ 300 milhões com regravações

Com a proximidade do lançamento do filme da Liga da Justiça nos cinemas, novas reportagens têm revelado curiosidades sobre os bastidores da produção, que passou por muita pressão e teve até uma troca emergencial de direção.
Como sabemos, a repercussão negativa de Batman vs Superman junto à crítica e (em parte) ao público levou a uma mudança no tom de Liga da Justiça, incluindo uma reescritura de última hora do roteiro por Zack Snyder e Chris Terrio, como conta o The Wall Street Journal.
Além disso, Snyder precisou deixar a direção do filme na etapa de regravações e pós-produção para lidar com uma tragédia em sua família (o suicídio de sua filha), passando o comando para Joss Whedon (de Os Vingadores).
Foi Whedon quem teve a missão de realizar os últimos ajustes na produção, em meio a boatos de que suas regravações teriam sido extensas e mudaram bastante a visão de Snyder. Os atores da produção saíram em defesa do projeto, admitindo erros do passado, mas afirmando que eles serviram de aprendizado para corrigir o rumo da DC nos cinemas.
Fonte da imagem: Divulgação/Warner Bros. Pictures
Como todas essas complicações, não é de se duvidar que o orçamento de Liga da Justiça tenha ficado um pouco alto. Os últimos relatos informam que o longa chegou a um custo final acima dos US$ 300 milhões!
Seria por conta desse estouro de orçamento que a Warner teria solicitado a Whedon que fechasse a duração do filme em menos de 2 horas, como forma de conseguir agendar mais sessões do longa-metragem por dia nas salas de cinema e, assim, ajudar a recuperar o investimento.
Apesar desses problemas, o estúdio parece ter conseguido acertar a produção. Comentários que chegam de sessões-teste e para a imprensa estrangeira estão bastante positivos, para a satisfação dos fãs da DC.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário