segunda-feira, 29 de janeiro de 2018

Diretores de Vingadores: Guerra Infinita falam sobre o filme

Faltando 3 meses para a estreia de Vingadores: Guerra Infinita, o filme mais aguardado do Universo Marvel, os diretores Joe e Anthony Russo deram uma entrevista ao podcast Happy Sad Confused. Eles não comentaram muito sobre a trama, mas falaram a respeito de algumas escolhas que fizeram após os eventos de Guerra Civil e das teorias sobre o quarto filme dos Vingadores.
O principal foco da entrevista foi o Capitão América e sua possível transformação em Nômade. Nos quadrinhos, Steve Rogers assume essa identidade após ver a corrupção no governo dos Estados Unidos. De acordo com Joe Russo, Rogers assumirá esse manto em Guerra Infinita, e o principal motivo foi o que aconteceu em Guerra Civil:
“No trailer é possível ver que ele abraçou o espírito do Nômade. Nós sempre tivemos a intenção de desconstruir o personagem. É o que nós gostamos e achamos interessante em um personagem chamado ‘Capitão América’: o conceito sobre quem ele é e sua identidade estão ligadas ao seu país. Nós pensamos que seria um caminho interessante a se seguir, ver Steve Rogers em conflito com sua identidade e com seu país. O caminho que ele seguiu após Guerra Civil é o mesmo do Nômade, um herói sem país.”
Sobre a inclusão da Capitã Marvel em Guerra Infinita, os irmãos Russo afirmaram ser interessante o jeito como a introduziram no universo Marvel. Segundo eles, é uma forma de colocar energia nova no MCU, principalmente porque a maioria dos atores está interpretando os mesmos personagens há quase 10 anos, e todos fazem parte de uma história fragmentada que se junta agora. Sobre a trama do filme e o que está reservado para a continuação, eles pouco revelaram:
“Existirão várias surpresas nessa história, não podemos confirmar nem negar nada, mas vamos jogar umas bombas na audiência”, disse Anthony Russo. “Parte da ideia do título do próximo filme é sobre avançar a trama, portanto vamos esperar o público absorver o primeiro e aguardar o momento certo de anunciar o nome da continuação”, completou Joe.
Anthony Russo também fez um breve comentário sobre os rumores que surgiram nas últimas semanas envolvendo viagens no tempo, mais precisamente para o período do primeiro Vingadores. Algumas fotos mostram o Capitão América usando seu antigo uniforme no cenário da batalha de Nova York: “Durante 5 minutos em Guerra Civil uma tecnologia é apresentada, e ela foi colocada lá por uma razão bem específica. Portanto, se você prestar bastante atenção nessa sequência, é possível ver para onde estamos caminhando”.
É bem provável que essa tecnologia mencionada seja a mesma utilizada por Tony Stark para acessar suas memórias e reviver o último encontro com seus pais.
Para terminar, eles comentaram sobre o desenvolvimento de um filme solo da Viúva Negra: “Estamos muito felizes por isso, é uma personagem extremamente interessante. Ela tem tanto a ser explorado, principalmente sobre sua história de vilã. Scarlett Johansson vem fazendo um trabalho tão excepcional interpretando a Viúva que você esquece seu passado. Então, existem muitas histórias a serem contadas sobre seu passado sombrio”.
Vingadores: Guerra Infinita estreia no dia 26 de abril nos cinemas brasileiros, enquanto sua continuação tem previsão de lançamento no dia 25 de abril de 2019.
Este texto foi escrito por Pedro Henrique via n-Experts.

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário