Deadpool: todos os detalhes da série animada cancelada pelo FX - Leitores Anônimos

Post Top Ad

Leitores Anônimos

Deadpool: todos os detalhes da série animada cancelada pelo FX

Compartilhar
Na semana passada, o ator Donald Glover se pronunciou em seu Twitter (coisa que ele faz raramente) para falar sobre o cancelamento da série animada baseada no personagem Deadpool, já que alguns veículos publicaram anteriormente que um dos motivos para o cancelamento da série, além das diferenças criativas entre ele e seu irmão Stephen Glover (Atlanta) com o FX, teria sido por conta de sua agenda, o que acabaria prejudicando o desenvolvimento da série.
"Para deixar registrado: eu não estava muito ocupado para trabalhar em Deadpool", escreveu Glover antes de compartilhar em sua rede social um roteiro contendo 10 páginas.
No roteiro que já foi deletado do Twitter, Deadpool estaria na África, protegendo o último rinoceronte-branco macho do norte do país, chamado de Sudan — lembrando que o verdadeiro Sudan morreu no fim do mês passado. Se questionando o porquê de sua série animada ter sido cancelada, Deadpool pergunta ao Sudan: “Você acha que foi pelas coisas que eu falei da Marvel? Tudo o que eu disse foi que ela estava tentando vender brinquedos para meninos de 7 anos de idade e pedófilos de 50 anos”, e continua: “Você acha que eles cancelaram a série por causa de racismo? Todos os roteiristas eram negros. As referências também eram bastante negras. Ouvi dizer que eles pagavam por comida jamaicana pelo menos uma vez por semana”.
Após o anúncio do FX de que a série foi cancelada, o estúdio de animação Titmouse, que ficou encarregado de criar a série animada, resolveu divulgar as cenas de um teste de animação.
Esse clipe funcionou como um “ponto de partida” para que o estúdio pudesse animar a série. Nele, é mostrado o mercenário tagarela em um tiroteio com vários bandidos em algum tipo de armazém ou centro de distribuição, trazendo alguns diálogos do filme do personagem na voz do ator Ryan Reynolds, o intérprete do personagem nos cinemas.
Depois de explodir as instalações, junto com o grande vilão no final, Deadpool voa pelo ar em direção à câmera, sem os seus quatros membros do corpo. Em seguida, ele pronuncia a famosa frase dos trailers originais do live-action: "Vou tocar umazinha hoje à noite". Claro que isso acabou se tornando ainda mais engraçado pelo fato de que ele literalmente estava sem suas mãos para se tocar.
A série animada já tinha 10 episódios encomendados para sua primeira temporada. No entanto, não se sabe ao certo se o projeto foi engavetado nem se a dupla poderia estar envolvida novamente em um futuro próximo. A partir de agora, resta saber se a Marvel Television pretende comprar mesmo o projeto para vincular em outros canais de televisão, ou talvez em seu futuro serviço de streaming com a Disney.
Apesar do acontecido, o FX afirmou que mantém um relacionamento contínuo com a Marvel por meio da série Legion; já a Marvel ainda não se pronunciou sobre o caso.
A próxima produção que envolve o personagem, Deadpool 2, chega aos cinemas brasileiros no dia 17 de maio.
Este texto foi escrito por Fernando Fabretti via n-Experts.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

Leitores Anônimos

Pages