Terry Crews perde papel em Os Mercenários 4 após abrir processo de abuso sexual - Leitores Anônimos

Post Top Ad

Leitores Anônimos

Terry Crews perde papel em Os Mercenários 4 após abrir processo de abuso sexual

Compart
Terry Crews (Brooklyn Nine-Nine) não retornará para o quarto filme da franquia de ação, Os Mercenários.
O ator testemunhou perante o Comitê Judiciário do Senado sobre seu caso de agressão sexual contra o sócio da WME, Adam Venit, revelando que pelo menos um produtor de Hollywood - neste caso, o produtor de Os Mercenários 4, Avi Lerner - supostamente fez ameaças vagas caso o ator optasse por não desistir do processo.
As ameaças de "problemas" de Lerner forçaram Crews a considerar onde ele traçaria o limite e se ele estava disposto a trabalhar em um ambiente desconfortável ou tomar uma posição. Neste caso, o ator decidiu manter sua posição e, consequentemente, perder seu papel em Os Mercenários 4.
Ele ainda explicou que Lerner também está sob sua própria investigação de abuso sexual e, acredita o ator, foi por isso que ele tentou fazê-lo desistir de seu caso contra Venit.
“Abusadores protegem abusadores - e isso é uma coisa que eu tive que decidir, se eu ia traçar a linha”, ele afirmou. "Eu vou ser uma parte disso ou eu vou tomar uma posição? Então há projetos que eu tive que recusar."
Terry Crews perde papel em Os Mercenários 4 após abrir processo de abuso sexual

O ator de Brooklyn Nine-Nine é uma das poucas estrelas masculinas a se apresentar em relação às suas próprias experiências de agressão por parte de algumas das pessoas mais poderosas de Hollywood. No caso de Crews, o ato veio nas mãos de um executivo de alto nível de Hollywood que não parecia se importar que Crews estivesse em um evento cercado por outros - incluindo a esposa de Crews - quando decidiu tocar o ator de forma inapropriada.
Desde que falou sobre sua própria experiência, Crews tem sido uma parte vocal do movimento #MeToo, que é o que o levou a testemunhar como parte da Carta de Direitos dos Sobreviventes de Assalto Sexual, uma lei que fornece novos direitos para vítimas de violência sexual no código penal federal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

Leitores Anônimos

Pages