Associação de pais pede que Netflix retire filme acusado de pornografia infantil - Leitores Anônimos

Post Top Ad

Leitores Anônimos

Associação de pais pede que Netflix retire filme acusado de pornografia infantil

Compart
Um grupo de pais está exigindo que a Netflix retire de sua plataforma o filme Desejarás O Noivo da Sua Irmã (Desearás Al Hombre De Tu Hermana, no original) por alegarem que a obra retrata “uma menina de nove anos se masturbando ao ponto de orgasmo”.
Em uma carta aberta ao serviço de streaming, o presidente da Parents Television Council (Conselho Televisivo de Pais), Timothy Winters, pergunta ao CEO da Netflix, Reed Hastings, se “a marca apoia a exibição de garotas de nove anos se masturbando? A resposta é sim ou não, não há outra escolha aqui".
A cena em questão mostra duas garotinhas assistindo a um filme de faroeste na televisão enquanto fingem que seus travesseiros são cavalos. Nas palavras do conselho, “a menina mais velha começa a obviamente se masturbar enquanto a criança mais nova assiste. A câmera até leva essa cena para um close do rosto da criança em câmera lenta, movendo-se para cima e para baixo e ofegando como uma estrela pornô".
" data-cke-saved-src="/uploads/editor_pictures/000/064/883/content_pic.jpg
Cena polêmica do filme Desejarás O Noivo da Sua Irmã, disponível na Netfix

O diretor do filme argentino, Diego Kaplan se defendeu das acusações em um comunicado ao Indiewire dizendo que antes de ser um cineasta é um pai, e que trabalha em um mundo de ficção. Kaplan também garante que o que é visto na tela é um “truque” e que as crianças apenas copiaram uma cena de um filme de cowboy mostrado a elas.
"Nenhum adulto interagiu com as meninas, a não ser o técnico de atuação das crianças. Tudo foi feito sob a vigilância cuidadosa das mães delas. Como eu sabia que essa cena poderia causar alguma controvérsia em algum momento, há filmagens de 'Making Of' das filmagens de toda a cena. Tudo funciona dentro da cabeça dos espectadores, e como você acha que esta cena foi filmada dependerá do seu nível de depravação", explicou Kaplan.
Winters também acusa os originais Netflix13 Reasons Why Big Mouth, de inapropriadamente mostrar o suicídio e a sexualização de crianças. Em seguida, ele pede nominalmente a Hastings que retire o que chama de “pornografia infantil” do streaming.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad

Leitores Anônimos

Pages